Quanto tempo você quer viver?

Vida abundante é o desejo de todos, mas por que muitos falham em obtê-la? Estariam tomando a atitude certa?

Para responder essa pergunta, convido-o a usar sua imaginação por alguns instantes:

Imagine que você ganhou um carro de última geração. Um carro produzido com o melhor mecanismo e material disponíveis. Uma máquina super potente e resistente, feita para durar muito tempo sem apresentar problemas. Como todo automóvel, essa máquina também possui um manual do fabricante em que há várias orientações para garantir seu melhor desempenho. Entre essas orientações está que o motor é movido a gasolina e que o óleo deve ser trocado a cada cinco mil quilômetros.

Agora imagine que você decide não seguir as instruções do fabricante e por conta própria passe a abastecer esse automóvel com álcool e se recuse a trocar o óleo. O que vai acontecer? Como se trata de uma máquina muito resistente, ela ainda assim será capaz de funcionar por algum tempo (embora não em sua força máxima), mas não demorará muito e terá que ser levada ao mecânico. E se você insistir em desatender às instruções do fabricante, mesmo que leve ao mecânico para fazer reparos, o motor virá a fundir. Mesmo sendo um motor ultra moderno e resistente, com o combustível errado e a falta dos devidos cuidados, ele não funcionará adequadamente e sua expectativa de vida será grandemente diminuída. Sem contar que o tempo de funcionamento será sempre interrompido pelas idas ao mecânico.

Traçando um paralelo com a realidade, nós também temos um Fabricante. Esse Fabricante nos criou com o melhor material disponível. Ele dotou nossa máquina de tamanha resistência que seu sistema de defesa, por exemplo, é capaz de combater qualquer vírus, qualquer bactéria e qualquer enfermidade. Nunca foi Seu intento que essa máquina vivesse apresentando problemas e defeitos e tivesse que estar sempre no mecânico e parada para reparos. Para isso, preparou um detalhado Manual de Instruções (a Bíblia) para que aprendêssemos a usar e a manter nossa máquina na melhor condição física, mental e moral possível.

No entanto, o descaso a esse Manual tem resultado na deterioração dessa máquina maravilhosa que é o nosso corpo. Na verdade, se nossa máquina não tivesse sido formada de um material de primeira, nossa raça certamente já teria se extinguido por conta dos séculos de maus tratos que tem recebido. As enfermidades que hoje acometem essa máquina maravilhosa passaram a ser consideradas normais e as idas ao consultório médico e à farmácia algo corriqueiro. A excelência da saúde que o ser humano deveria gozar passou a ser considerada algo inusitado e a falta dela, pelo menos em parte da vida, algo normal. Do ponto de vista do Fabricante, porém, as enfermidades atuais podem até terem se tornado comuns, mas certamente não são normais. Fomos criados para ter saúde mesmo em um mundo de pecado!

A boa notícia é que se decidirmos hoje obedecer às instruções do Fabricante, pela Sua misericórdia e poder, nosso corpo pode ser restaurado e nossa máquina pode restabelecer-se dos maus tratos que recebeu. Ao contrário dos fabricantes de automóveis, nosso Fabricante está muito interessado em que conservemos bem a nossa máquina e Se coloca à disposição 24 horas e 7 dias por semana para nos ajudar a mantê-la em ordem.

Nesta série de artigos você terá a oportunidade de ler e refletir sobre algumas instruções divinas para o uso correto de sua máquina. As instruções do querido Fabricante são tão simples que até uma criança pode entender e seguir e ao mesmo tempo tão complexas que a ciência as estuda a fim de comprová-las. Vamos descobrir quais são essas orientações para uma vida abundante? (continua).

Por Karina Carnassale Deana – Blog Vida Campestre

Gostou deste conteúdo? Então assista o nosso mais novo vídeo...