Sobre

Nossa história

O desejo de começar um blog sobre saúde e alimentação na web, surgiu depois do contato com um casal de amigos vegetarianos estritos, que nos mostraram os diversos benefícios da alimentação natural na vida espiritual, mental e física. Em janeiro de 2009 decidimos mudar radicalmente nossa dieta e nosso estilo de vida. Foi uma decisão difícil, mas que já estava em nossos corações antes mesmo dessa conversa.

Depois da decisão nos deparamos com a situação mais difícil, e nossas mentes borbulhavam com dezenas de perguntas: – O que vamos colocar no pão? Como preparar pratos sem leite, queijo ou carne? Como balancear a dieta? Como obter todas as vitaminas necessárias para nosso corpo? Como adoçar sucos e sobremesas sem o açúcar branco?

Foi através de nossas inquietações que resolvi criar um espaço na web para ajudar outras pessoas, que como eu, ainda estavam perdidas na mudança da alimentação e não sabiam muito bem por onde começar.

Em março de 2009 foi criado o blog  “Sou vegetariano, e agora?” que disponibilizou muitas informações, dicas, receitas e se tornou um canal aberto para promover o vegetarianismo e o estilo de vida saudável.

Um ano depois, em março de 2010, resolvemos ampliar nosso projeto e criamos um portal de informações com diversos materiais, produtos e parcerias com o foco no vegetarianismo estrito. Logo que o projeto foi lançado o Portal Tudo para Vegetarianos ganhou força e destaque e tem ajudado milhares de pessoas na escolha de um estilo de vida saudável.

Por que vegetarianos estritos?

Muitas pessoas perguntam o por que da escolha da dieta vegetariana estrita. A primeira resposta está justamente no nosso manual do fabricante. Você conhece? A dieta original dada a Adão por Deus era a seguinte:

“E disse Deus ainda: Eis que vos tenho dado todas as ervas que dão semente e se acham na superfície de toda a terra e todas as árvores em que há fruto que dê semente; isso vos será por mantimento.” Gên. 1:29

Logo depois do pecado Deus acrescentou mais alguns itens na dieta de Adão e Eva:

“ E a Adão disse: Visto que atendeste a voz de tua mulher e comeste da árvore que eu te ordenara não comesses, maldita é a terra por tua causa; em fadigas obterás dela o sustento durante os dias de tua vida. Ela produzirá também cardos e abrolhos, e tu comerás a erva do campo.” Gên. 3:17-18

Os descendentes de Adão viviam cerca de 900 anos, mas depois do dilúvio Deus permitiu que o homem se alimentasse com carnes de animais mortos. A Terra estava completamente devastada e não havia plantas, legumes ou frutas para a alimentação.

Em decorrência do pecado e da nova alimentação, a expectativa de vida do ser humano caiu drasticamente, como fala Davi no livro de Salmos:

“A duração da nossa vida é de setenta anos; e se alguns, pela sua robustez, chegam a oitenta anos, a medida deles é canseira e enfado; pois passa rapidamente, e nós voamos.” Sal. 90:10

Mesmo com uma dieta carnívora, Deus instruiu e separou alguns de seus servos para darem um grande exemplo no aspecto da alimentação e como isso influência o corpo e a mente. Segue os relatos de Daniel:

“Resolveu Daniel, firmemente, não se contaminar com as finas iguarias do rei, nem com o vinho que ele bebia; então, pediu ao chefe dos eunucos que lhe permitisse não contaminar-se.” Dan. 1:8

E Daniel foi específico em sua dieta no palácio real de Nabucodonosor:

“Experimenta, peço-te, os teus servos dez dias; e que se nos dêem legumes a comer e água para beber. Então se veja diante de ti a nossa aparência e a dos jovens que comeram as finas iguarias do rei; e, segundo vires,age com os teus servos.” Dan. 1:12

E depois dos 10 dias, qual foi o resultado da dieta natural de Daniel?

“No fim dos dez dias, a sua aparência era melhor; estavam eles mais robustos do que todos os jovens que comiam das finas iguarias do rei.” Dan. 1:15

Como lemos nas Escrituras Sagradas, Deus preparou uma dieta especial para o ser humano, antes e depois do pecado. Mesmo permitindo que o homem comesse carne de animais mortos, o plano de Deus era que isso acabasse quando o homem pudesse plantar cereais, frutos e sementes para seu próprio sustento. Mas infelizmente não foi isso que aconteceu.

A escritora cristã Ellen White também nos deixou preciosos conselhos, baseados na Bíblia, sobre alimentação e cuidado do corpo na busca de uma saúde completa em todos os aspectos.

“Cereias, frutas, nozes e verduras constituem o regime dietético escolhido por nosso Criador. Esses alimentos, preparados da maneira mais simples e natural possível, são os mais saudáveis e nutritivos. Proporcionam uma força, uma resistência e vigor intelectual, que não são promovidos por uma alimentação mais complexa e estimulante.” Ciência do Bom Viver, p. 296

“Sento-me com frequência à mesa de irmãos e irmãs, e vejo que eles usam grande quantidade de leite e açúcar. Isto sobrecarrega o organismo, irrita os órgãos digestivos, e afeta o cérebro. Tudo quanto embaraça o ativo funcionamento do maquinismo vivo, afeta muito diretamente o cérebro. E segundo a luz que me foi dada, o açúcar, quando usado abundantemente, é mais prejudicial que a carne.” Conselhos sobre Regime Alimentar, p. 328

Termino com duas passagens que gosto muito e que te sido o meu guia durante esse anos de contínua transformação:

“Portanto, quer comais, quer bebais, fazei tudo para a glória de Deus.” I Cor. 10:31

“Rogo-vos pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos como uma sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.” Rom. 2:1

Nossa filosofia  

O Portal Tudo para Vegetarianos segue os princípios bíblicos contidos na Palavra de Deus, como membros ativos da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Para conhecer melhor os princípios da nossa fé clique aqui.

 

Por Juliana C. Oliveira – Fundadora e editora do Portal Tudo para Vegetarianos